5 razões para acessar o Consumidor.gov.br

14 dez 2015
09h49

Um canal oficial para a solução dos problemas dos consumidores. Esta é a proposta do Consumidor.gov.br , um serviço público que permite falar diretamente com as empresas cadastradas para resolver conflitos de consumo.

A cada dia novas empresas aderem ao serviço - já são 295 empresas cadastradas. Entre os participantes estão as principais empresas de telefonia, serviços financeiros, comércio eletrônico, companhias aéreas, entre outras.

Outra novidade é que as próprias empresas se comprometem a conhecer, analisar e investir todos os esforços disponíveis para a solução dos problemas apresentados por seus consumidores. Elas devem responder às demandas dos consumidores no prazo máximo de 10 dias, sendo que hoje o tempo médio de respostas é de 7 dias.  Como resultado, a plataforma conta com o índice médio de 99.7% das reclamações respondidas.

A principal vantagem deste serviço é a transparência. A plataforma disponibiliza uma série de informações sobre as empresas que mais resolvem os problemas dos consumidores, o que pode auxiliar nas suas decisões de compra. As informações registradas são importantes para o desenvolvimento de políticas públicas e outras iniciativas que visam à melhoria nas relações de consumo no país.

Veja aqui 5 razões para acessar a plataforma:

1 - Alto índice de solução

Atualmente as empresas apresentam um índice médio de solução de 80% das reclamações registradas. E o mais interessante é que este índice é resultado da avaliação dos próprios consumidores.

Foto: Divulgação Consumidor.gov.br

2 – Rankings das empresas

O Consumidor.gov.br apresenta rankings que permitem ao consumidor comparar as empresas participantes,  podendo consultar índices de solução, de satisfação, prazos médios de resposta e percentual de reclamações respondidas.  Ainda é possível filtrar os rankings por segmento ou selecionar uma única empresa para uma análise mais específica.

Foto: Divulgação Consumidor.gov.br

3 – Infográfico

A aba “Infográficos” apresenta informações como o total de usuários cadastrados no site, o volume total de reclamações registradas e sua distribuição pelos estados e regiões do país.

Foto: Divulgação Consumidor.gov.br

4 – Relato do Consumidor

Por meio da aba “Relato do Consumidor”, é possível ler o conteúdo das reclamações registradas, as respostas das empresas e a avaliação final do consumidor. O botão “Pesquisar” permite buscar reclamações por empresa, por setor, por região, por palavra-chave, data, entre outros filtros. Com isso, você pode ter acesso às experiências de outros consumidores.

Foto: Divulgação Consumidor.gov.br

5 – Transparência

Caso você queira explorar ainda mais informações, é possível fazer o download dos dados relativos às reclamações registradas na plataforma, em formato aberto (.csv), por meio da aba “Dados Abertos”. Os dados disponíveis permitem realizar vários cruzamentos de informações para aprofundar sua análise sobre as empresas. É importante destacar que todos os dados pessoais dos consumidores são protegidos.

Foto: Divulgação Consumidor.gov.br

Não perca tempo! Acesse o Consumidor.gov.br, conheça a lista das empresas participantes e faça valer seus direitos.

Secretaria Nacional do Consumidor – Ministério da Justiça

compartilhe

publicidade
publicidade